Lugares para curtir o frio em alto estilo no Brasil

Com a queda das temperaturas e neve no sul do País, muitos turistas estão de olho nos melhores destinos para ver, ao vivo, o espetáculo branco da natureza

Por Portal City News - Francielli Xavier 31/05/2022 - 09:53 hs

Não adianta, se você quer ver neve caindo, numa quantidade suficiente para lindas fotos e memórias inesquecíveis, seu destino nacional é o Sul do Brasil: somente os estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul oferecem a possibilidade de presenciar aqueles cenários branquinhos que vemos em filmes. Por isso, selecionamos três cidades que, além de  lindas e aconchegantes, têm grandes chances de realizar o sonho de muita gente.

Curitiba - PR

Apesar de não ter registros recentes de nevasca, é um daqueles lugares que quanto mais frio, mais charmoso. O visitante deve ir preparado porque as temperaturas no inverno ficam abaixo de zero. É comum os parques amanhecerem cobertos por geada e os gramados ficarem branquinhos durante a manhã. O clima frio é perfeito para a gastronomia local, com muitas opções de sopas, bebidas quentes, locais aquecidos e passeios que deixam qualquer visitante apaixonado.

Destaque para os parques Jardim Botânico e Barigui e para o passeio de ônibus turismo, que circula pelos principais cartões postais da cidade. Pela tarifa única de R$ 50,00 o visitante pode desembarcar quantas vezes quiser e embarcar no próximo ônibus, que passa a cada 30 minutos.


Pomerode - SC

Uma pequena cidade no Vale do Itajaí, em Santa Catarina, com pouco mais de 34 mil habitantes, é um pedaço da Alemanha no Brasil. Tudo nela remete aos colonizadores germânicos: a arquitetura, as pessoas e a comida. Não estranhe, grande parte dos moradores falam alemão, por isso, é comum ouvir o idioma nas ruas.

A cidade encanta também pela limpeza, áreas verdes e as casas enxaimel (arquitetura típica alemã). A última vez que nevou em Pomerode foi em 2013, mas, assim como na capital do estado vizinho, as temperaturas no inverno ficam abaixo de 10 °C facilmente.

O friozinho local é um convite às rotas turísticas que incluem artesanato típico, danças folclóricas e museus que contam a história dos imigrantes que fundaram a cidade. As fábricas locais são paradas obrigatórias e abrem suas portas para mostrar o que é produzido no local:  cerveja, cristais, queijos artesanais e chocolate.

A cidade é cercada por morros que oferecem visuais inesquecíveis e voos de parapente para os mais corajosos.  Destaque também para a gastronomia típica. São vários os restaurantes que oferecem pratos bem germânicos como o marreco recheado, purê de maçã e as famosas salsichas brancas.


Serra Gaúcha - RS

E se o objetivo final é mesmo a neve, a Serra Gaúcha, no Rio Grande do Sul, é alvo certo. Todos os anos neva em alguma cidade deste roteiro repleto de cultura, natureza e diversão.

Uma excelente opção na região é a Rota Romântica: 14 cidades que se uniram para promover as belezas desta região de montanhas e vales do Rio Grande do Sul. Os destinos mais famosos são Gramado e Canela, já consolidadas como centros turísticos com atrações de tirar o fôlego.

A dica é se hospedar em uma cidade alternativa, como Nova Petrópolis, por exemplo, que fica a pouco  mais de 30 km de Gramado.  Com opções de hospedagem com excelente custo-benefício, a cidade alemã é um cenário que, de tão perfeito, parece ter sido montado. As raízes germânicas são tão valorizadas que o plano arquitetônico do local só permite construções que tenham características do país europeu.

Apesar de pequena, apenas 21 mil habitantes, Nova Petrópolis tem opções surpreendentes, como a fábrica de cerveja Edelbrau que oferece uma experiência bem diferente, com portas, alavancas, efeitos visuais que terminam em uma fonte com várias torneiras de cerveja artesanal. A cidade tem também diversos restaurantes com comidas típicas, parques impecáveis e hotéis super charmosos, prontos para aquela hospedagem inesquecível, com vista para as montanhas. E o melhor, fica pertinho de cidades como Gramado e Canela.